PESSOAS QUE ACESSARAM O BLOG:


quarta-feira, 25 de novembro de 2009

PM fica sem consignado

A Secretaria Estadual de Planejamento e Gestão (Seplag) suspendeu, temporariamente, a concessão de empréstimo consignado para todos os integrantes da Polícia Militar. A medida afeta cerca de 37 mil servidores ativos e 29 mil inativos e pensionistas.

A Seplag informou à Coluna que houve um problema de provável uso indevido de margem consignável por integrantes da Polícia Militar, o que está sendo investigado. A secretaria foi avisada, na última quinta-feira, por uma instituição bancária, de que a situação poderia afetar os demais servidores.

O secretário da pasta, Sérgio Ruy Barbosa, explicou que a decisão vai garantir a integridade financeira dos servidores: “Por questão de segurança, para preservar os interesses dos servidores, a integridade do processo de concessão de empréstimos e os recursos emprestados pelas instituições bancárias, decidimos pela suspensão temporária da concessão de crédito consignado a servidores da PM,até que se identifique o problema e seja feita a devida correção”. Portanto, não há previsão para o retorno das operações.

A Polícia Militar está entre as carreiras que têm o maior número de contratos de empréstimos consignados no estado. Servidores aproveitam a época de festas para pedir dinheiro emprestado a juros baixos e, assim, liquidar contas típicas de início de ano, como IPTU, IPVA e matrícula escolar.

O próximo salário dos policiais militares virá com reajuste de 5%, que foi aprovado pelo governador Sérgio Cabral em setembro. Eles também vão receber a parcela retroativa a outubro.

11 comentários:

Anônimo disse...

Eu fico pasmo diante a manipulação das notícias feita por jornais tendenciosos. Eu queria aproveitar o espaço para informar a redação do jornal que quem ganha 900,00 R$ por mês não tem dinheiro para casa própria, nem para possuir meios de transporte, a não ser que bicicleta agora paga IPVA e muito menos ter filhos matriculados em escola particular. Se o militar hoje é a carreira que mais possui empréstimos é devido ao desespero de não ter como comprar comida para os seus no final do mês.
Esse tipo de matéria causa uma grande insatisfação no servidor, imaginem se todos o funcionalismo deixassem de ler meios de comunicação desse tipo...

Anônimo disse...

Não tem dinheiro? Não compre...

Não pegue empréstimo, é furada!

Os aproveitadores estão ganhando em cima do seu desespero.

GOVERNO DO RIO DE JANEIRO,

O ESTADO QUE POSSUI A SEGUNDA MAIOR ARRECADAÇÃO DO BRASIL,

PAGA O MENOR SALÁRIO MILITAR DO BRASIL!

Anônimo disse...

Incrível, mas o ITAU continua fazendo empréstimo consignado na folha da PMERJ.
Por que será?????

CMORAES11 disse...

EM QUE ITAÚ ESTÁ FAZENDO, POIS FUI NO BANCO, ELES TB FALARAM QUE ESTAVA SUSPENSO TEMPORARIAMENTE...

Anônimo disse...

cluiz


o que o itau esta fazendo e debito em conta, pois desconto em folha é preciso averbar e o proderj esta fora do ar para a pmerj.

debora disse...

Eu gostaria de saber se alguém tem alguma novidade sobre se a PMERJ volta ainda esse Mês ou tem alguma previsão de quando volta?

Anônimo disse...

Suspender temporariamente a contratação de empréstimo consignado para integrantes da Polícia Militar do Estado do Rio de janeiro foi uma decisão que veio a prejudicar inúmeras pessoas.

Com salários vergonhosos, milhares de Policiais Militares buscam, com o empréstimo, sanar dívidas, pagando com desconto em folha, que possui juros bem menores que o dos bancos.

Além disso, milhares de pessoas trabalham como agenciadores(vendedores) de empréstimo e, estão sem poder trabalhar, cessando assim, a única fonte de renda que possuíam, pois em sua carteira de clientes (como a minha), 99% é formada por Policiais Militares.

Ao menos poderiam informar o prazo para retorno de tais operações.

Sandro disse...

Não há desculpas!!! Toda investigação ou mesmo auditoria poderia se munir de instrumentos para não criar esse tipo de transtorno que a SEPLAG criou, ou trata-se de incompetência ou há algo de podre no Reino. Isso sem comentar no fato de como foi manobrada a ação de suspensão dos empréstimos, que de imediato identificamos uma ilegalidade clara, já que nem ao menos as instituíções se utilizaram de qualquer tipo de expediente oficial para legalizar, informar e dar transparência do que está ocorrendo. Mediante como está sendo administrada a situação, pela falta de divulgação oficial, com a forma desrespeitosa e descompromissada, pelo tempo longo de "investigação", creio que já há margens para para supor suspeição por parte dos órgãos que supostamente "investigam" as supostas "irregularidade". Não me surpreenderia se quando liberado os empréstimos, esses só possam ser efetuados em poucas e determinas instituíções bancárias. Lembro-lhes que considerando a ilegadade desastrada da ação de suspensão dos empréstimos cabe perfeitamente MANDADO DE SEGURANÇA contra os responsáveis pelo SEPLAG e contra o Estdo. Qualquer defensor público tem condições de impetrar tal MANDADO. Então se você se achar violentado demais por mais essa falta de respeito com a PMERJ ou se sua situação for de emergência, eis o remédio jurídico para sanar seu problema. Alias eu conclamaria todos aqueles que precisem de empréstimo que o façam assim como estou fazendo. Creio, também, que caberia uma ação por perdas e danos morais e materiais.

Sandro.

CMORAES11 disse...

Olá Sandro, pelo que eu li do seu artigo, vc vai entrar na justiça, ou já entrou com um mandado de segurança, peço maiores informações, pois estou precisando muito...e acho que muitos estão na mesma situação. grata Cris Moraes

Anônimo disse...

com certeza voces tem razao, chega inicio de ano e as contas nao param de chegar.e material escolar, ipva,e etc. e os pela-sacos do governo suspende o emprestimo pra pmerj. trazendo serios transtornos pra aqueles que recorrem.ja se passaram quase quatro meses e nada. mas as eleiçoes estao chegando e vamos dar a resposta nas urnas .

José Roberto disse...

Isso é uma sacanagem, para o Itaú fazer emprestimos com juros exorbitantes.Esses politicos safados deveriam ter mas respeito por essa classe que já é tão sacaneada.

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina