PESSOAS QUE ACESSARAM O BLOG:


quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Inscrições EAD SENASP Ciclo 21

Desde meia noite de ontem já estão disponíveis as inscrições para os cursos a distância (EAD) oferecidos pela SENASP, no âmbito do PRONASCI, programa que concede a Bolsa Formação para aqueles que concluírem os citados cursos, e se encaixarem nos demais requisitos do benefício.

As inscrições estão abertas em duas etapas. Na primeira, do dia 27/01 a 29/01, o aluno só pode se inscrever em um curso. Na segunda etapa, nos dias 30/01 e 31/01, caso o limite de 200 mil vagas não seja atingido, o aluno já cadastrado poderá solicitar inscrição em mais um curso, até o limite previsto de 200 mil inscrições.

Ao todo, são 57 cursos oferecidos aos trabalhadores de segurança pública, que são aceitos como atividades complementares para os cursos de bacharelado ou licenciatura, de acordo com o regulamento de cada IES. Clique para ver todos os cursos oferecidos com suas respectivas cargas horárias.

Bolsa Formação

A Bolsa Formação é um benefício social em que os profissionais de segurança pública que ganhem menos de R$ 1.700,00 reais brutos passam a perceber R$ 443,00 mensais durante um ano, prorrogável por mais um. Além disso, o policial não pode ter sido punido disciplinarmente nos últimos cinco anos.

Para quem quer passar a receber a Bolsa, é fundamental que realize um dos cursos EAD, além de serem cursos muito úteis no desempenho profissional.

***

12 comentários:

Jéssica disse...

Parabéns ao Blog por nos manter informados com ótimas notícias e novidades sobre a PMERJ não encontrada em outros Blogs pela Internet.

Parabéns!!!

Jéssica disse...

TRÁFICO REVIDA E MATA DOIS SARGENTOS DO EB

Bandidos da favela Vila Operária, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, atacaram a tiros um carro com quatro militares -- dois do Exército e dois da Aeronáutica - nesta quinta-feira. Homens armados teriam cercado o veículo na entrada da comunidade, onde um dos militares reside, e dispararam vários tiros. Morreram no ataque os sargentos do Exército Nelson Guarim Filho e Marcelo Silva de Souza. Outros dois sargentos da Aeronáutica foram baleados. Eles foram socorridos e estão internados no Hospital da Aeronáutica. Policiais da 59ªDP (Caxias) estão investigando o crime.

Anônimo disse...

Quanto ao quadro de promoções.

Ora...

Pq será que para os oficiais não muda nada?

Sinceramente... não tenho qualquer perspectiva boa para PMERJ!

Só quero completar meu tempo e meter o pé daqui!

Antes que os idealistas de terceiro mundo venham me insultar, digo e afirmo: NÃO ENTREI DESSA MANEIRA!

Corrí, prendí, usei da força, enfim...fiz que um PM tem que fazer e as vezes nem tanto!

Porém chega, não sou valorizado e nem sequer considerado como um profissional necessario para o Estado e para a sociedade.

Agora defendo apenas meus interesses e os da minha família!

Desculpem mais é minha realidade!

SGT IFP - apto B (por ato de serviço)

Anônimo disse...

O blog está desatualizado.
pois o valor pago pelo bolsa formação é de R$ 443,00 e não mais R$ 400,00.

Anônimo disse...

BOLSA É ESMOLA

EU NÃO QUERO GRATIFICAÇÕES, BONIFICAÇÕES, SÓ QUERO UM SOLDO ACIMA DO MÍNIMO!

Anônimo disse...

A SEGURANÇA PÚBLICA DO RJ ESTÁ "ABANDONADA"

PMERJ - uma Polícia Militar desvalorizada, desmotivada, desestimulada

HÁ IRREGULARIDADE NOS SOLDOS DE 1º SARGENTO PARA BAIXO...

SALÁRIO MÍNIMO VIGENTE (A PARTIR DE FEVEREIRO/2011): R$ 545,00 (QUINHENTOS E QUARENTA E CINCO REAIS).

SOLDO DE 1º SGT PM/BM: R$ 538,37
SOLDO DE 2º SGT PM/BM: R$ 488,72
SOLDO DE 3º SGT PM/BM: R$ 444,60
SOLDO DE CB PM/BM: R$ 385,01
SOLDO DE SD PM/BM: R$ 334,27
SOLDO DE AL CFSD PM/BM: R$ 275,81

Não é difícil agir corretamente! O Governo do Estado do Rio de Janeiro precisa dar apenas 97,6% de reajuste salarial para equiparar o menor soldo da PMERJ e do CBMERJ (R$ 275,81) ao salário mínimo vigente (R$ 545,00).

A questão salarial merece especial atenção. Os soldos da Corporação já estão muito defasados!

É preciso resgatar o poder de compra do PM do RJ, para que ele possa viver com dignidade.

UM DOS PRINCIPAIS FATORES DE ESTRESSE VIVENCIADOS PELOS POLICIAIS MILITARES DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO É O SALÁRIO, CONSIDERADO INJUSTO.

A IMPORTÂNCIA DO TRABALHO DO HOMEM MEDE-SE PELO QUE ELE GANHA (O SEU VALOR SÓ É RECONHECIDO PELA QUANTIA QUE ESTÁ NO CONTRACHEQUE).

PODEMOS TER UMA POLÍCIA DE PRIMEIRO MUNDO, BASTA O GOVERNADOR QUERER!

QUEM É CONTRA A PEC 300, É CONTRA A SEGURANÇA PÚBLICA, É CONTRA A POLÍCIA!

A PCDF e a PF recebem o que merecem, não estão bem remuneradas, as outras Polícias é que pagam muito mal!

As Guardas Municipais do Estado do Rio de Janeiro estão pagando melhor do que a PMERJ, o que é um contrasenso, um disparate!

As Guardas Municipais são organizações que, a princípio, não têm outra missão senão zelar pelo patrimônio pertencente ao município (organizações que sequer são Polícias). Infelizmente, o poder público pretende continuar com uma Polícia Militar fraca, desvalorizada, desmotivada, desacreditada, submissa, esvaziada, humilhada, falida. Com a Copa do Mundo 2014 e os Jogos Olímpicos 2016, o reforço da Segurança Pública deveria ser foco dos governos.

Anônimo disse...

O combate à criminalidade passa, antes de tudo, pela VALORIZAÇÃO DO POLICIAL MILITAR.

Só teremos Segurança Pública de verdade com salários acima de R$ 4.500,00 (quatro mil e quinhentos reais) para o cargo de SOLDADO PM!

OS POLICIAIS MILITARES FLUMINENSES SÓ QUEREM UM SOLDO DIGNO, UM SALÁRIO QUE OS POSSIBILITE VIVER E TRABALHAR COM DIGNIDADE.

O PM do Rio abdica das esmolas, só quer um soldo decente.

NADA DE GRATIFICAÇÕES, NADA DE BONIFICAÇÕES TEMPORÁRIAS!

Quem zela pela segurança do cidadão precisa ser prestigiado.

O Judiciário paga até R$ 8.479,71 a funcionários que têm apenas ensino fundamental e desempenham funções de apoio.

Por uma PMERJ melhor disse...

Agradeço o comentário postado pelo Anônimo de 28 de janeiro de 2011 09:42. Já foi realizada a alteração pertinente. Mais uma vez, muito obrigado!

Anônimo disse...

Assim como foi feito no Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro através do DECRETO Nº 39.109, DE 04 DE ABRIL DE 2006, será preciso, também, mudar o interstício dos Sargentos de Curso (CFS) da PMERJ, o que valorizará a graduação de Sargento PM.

Anônimo disse...

O perfil ideal do Policial Militar

O Policial Militar tem o poder-dever concedido pelo Estado para restringir direitos individuais que atentem contra os direitos coletivos. Portanto, o conhecimento da lei é importante para que sua atuação não seja pautada pela ilegalidade. O PM ideal é aquele que sabe aplicar a lei, dispõe de inteligência emocional para agir em situações adversas, possui perícia no manuseio dos armamentos, está sempre pronto para agir.

Embora a profissão seja imprescindível para manter a paz e a ordem, o que se percebe é que a sociedade brasileira pouco investe na Polícia Militar, atribuindo-lhe um fardo além das suas possibilidades, sendo implacável quanto aos erros. A profissão é desvalorizada, quando deveria ser admirada por ter o dever de proteger a todos.

O policial militar brasileiro ideal nasce à medida que o processo de seleção seja mais rigoroso, o curso de formação mais qualificado e o aperfeiçoamento constante, à medida que se investe em melhores salários para atrair bons profissionais e se investe na saúde mental da corporação, dessa forma teremos servidores públicos satisfeitos e preparados para oferecer a segurança que a sociedade tanto almeja.

Anônimo disse...

A PMERJ deveria exigir o Bacharelado em Direito para ingresso no CFO (Curso de Formação de Oficiais) e Nível Superior (3º Grau) completo para ingresso no CFS (Curso de Formação de Sargentos).

Anônimo disse...

A PMERJ ficou para trás não só na questão salarial, mas também nos seus concursos. Em outros Estados, exige-se BACHARELADO EM DIREITO para ingressar no CFO e NÍVEL SUPERIOR COMPLETO para ingressar no CFSD!

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina